Digite sua busca e aperte enter


Imagem: Foto: TASSO MARCELO / ALLSPORTS

Compartilhar:

Ao vivo: Rio Preto e Flamengo fazem grande final do Brasileirão Feminino

Criado em 20/05/16 13h35 e atualizado em 20/05/16 21h17
Por Edgard Matsuki Edição:Portal EBC

Confira como foi o jogo que deu o titulo para o Flamengo

Nesta sexta-feira (20), o grande campeão Brasileiro de Futebol Feminino será conhecido. De um lado, o atual campeão Rio Preto chega com as vantagens de jogar e pelo empate (por ter vencido o primeiro jogo por 1 a 0) e decidir o título em casa. Do outro, o Flamengo vai ter que se superar e quebrar o tabu de nunca ter vencido o adversário se quiser ficar com o título. O time carioca precisa ganhar por dois gols de diferença ou por vitória de um gol desde que marque dois gols ou mais (ex: 2 a 1, 3 a 2 etc). Vitória do Flamengo por 1 a 0 leva o jogo para os pênaltis. A partida, às 19h, terá transmissão ao vivo na TV Brasil e no Portal EBC. Você pode assistir aos jogos clicando no player abaixo:

Acompanhe o tempo real de Rio Preto e Flamengo

ACABOUUUUUUUU! O FLAMENGO É CAMPEÃO BRASILEIRO DE FUTEBOL FEMININO EM 2016. 

45' - Perdeeeeeeeuuuuu. Larissa pega a bola no ataque e ganha na velocidade de Siméia. Ela chutou no cantinho, mas Lucaina defendeu. No Escanteio, Karen quase marca. 

45' Sai Bárbara, entra Ju no Flamengo. 

44' - Rio Preto parte com tudo para cima do Flamengo. Acabou a tática. Agora é bola na área do adversário

42' - Troca no Rio Preto. Entra Letícia, saí Jéssica. 

41' - Pressão do Rio Preto. Adriana tenta driblar, mas Karen corta bem a jogada de ataque. 

38' - Millene entra de sola em jogada no ataque e leva amarelo. Time do Rio Preto começa a perder a cabeça. 

37' - Luana fez boa defesa após cruzamento do Rio Preto. Flamengo vai tocando bola no ataque. 

35' - Gaby recebe amarelo após afastar a bola depois que ela saiu pela lateral. 

31' - Troca no Rio Preto. Sai Lelê, entra Daiane. Time precisa só de um gol para ganhar o título. 

29' - Nossa!!! Rio Preto tinha chance no ataque, mas Gabi dá um chute horrível para fora. 

27' - Amarelo para o Flamengo. Diany leva cartão após falta. Mariana, do Rio Preto, também leva cartão amarelo. 

22' - Cartão amarelo para Kamilla, do Rio Preto

19' - Troca no Rio Preto. Entra Gabi, sai Elis

Conhece um pouco da estrutura do Flamengo e da Marinha? Então confira aqui

15' - Rio Preto começa a dar espaços na defesa para o Flamengo. Título brasileiro pode ser decidido no contra-ataque

10' - Caso o título do Flamengo se confirme, será o primeiro do rubro-negro na história do Brasileirão Feminino. 

5' - Rio Preto insiste com jogadas no ataque, mas Flamengo, fechado, neutraliza chances do time paulista. 

3' - Rio Preto perde boa chance. Na hora de bater falta, Jéssica tocou por baixo e a zaga do Flamengo neutralizou o adversário facilmente. 

0' - Começa o segundo tempo para Rio Preto 1 x 2 Flamengo

Fim de primeiro tempo: com a vitória parcial de 2 a 1, o Flamengo vai garantindo o título do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino. 

42' - GOOOOOOOOOL DO FLAMENGO. Gaby toca para Bárbara que chuta firme. Luciana dá rebote e Gaby completa para o gol. Agora, Flamengo 2 a 1. O título mudou de lado. 

39' - Bárbara tenta cruzamento fechado e Luciana faz defesa firme. 

35' - Ritmo de jogo cai um pouco. Nenhum dos times consegue acertar muitas jogadas. Flamengo erra chutes e Rio Preto erra lançamentos. 

26' - Uhhhh. Flamengo perde uma chance de gol com Larissa. Após cobrança de escanteio, ela jogou para fora. 

22' - Sem furar barreira do adversário, o Flamengo arrisca um chute de longe. Bola sobe e vai para fora. 

18' Rio Preto começa a segurar a bola no ataque. Flamengo não consegue furar a barreira defensiva do time da casa, que aposta nos lançamentos longos.

Você sabe como nasceu a equipe do Rio Preto? Então confira aqui neste texto a história da equipe

13' - Perigo!!! Jéssica recebe cruzamento na pequena área e joga bola para fora. Quase gol do Rio Preto. 

9' - Árbitro da partida marcou dois pênaltis corretamente na partida. 

8' - GOOOOOOOOOOLLLLLL do Rio Preto. Siméia bate firme no canto superior direito e empata o jogo. Agora 1 a 1. Não existe mais possibilidade de decisão por pênaltis.  

7' - PENAAAAAAALLTIIIII para o Rio Preto. Kamilla é derrubada na área. 

5' - GOOOOOOOOOOOOOOOLLLLL do Flamengo. Larissa chuta o pênalti no cantino de Luciana. Agora 1 a o para o rubro-negro. 

3' - Pênaltiiiiiii para o Flamengo. Larissa é derrubada na grande área

0' - Rio Preto sai com a bola. 

0' - Equipes já estão campo para o início da partida. 

Escalações: Rio Preto: Luciana, Mônica, Siméia. Ana Alice e Mariana; Elis, Jéssica e Lelê; Millene, Adriana e Kamilla. Flamengo: Luana, Danizinha, Karen, Tania Maranhão e Emilião; Diany, Gaby Bia Vaz e Maurine; Larissa e Bárbara. 

Pré-jogo: O Rio Preto joga pelo empate para garantir o bicampeonato brasileiro. Ao Flamengo resta ganhar por dois ou mais gols de diferença ou por um gol de diferença desde que marque dois ou mais gols (ex: 2 a 1, 3 a 2). Caso o Flamengo vença por 1 a 0, a decisão do título vai para os pênaltis. 

Pré-jogo: Para Juliana Cabral, ex-jogadora da seleção brasileira e jornalista da ESPN, também apontou que o Rio Preto é o favorito. “É uma equipe agressiva, que busca o ataque com ligações diretas, joga no ataque, tem vantagem do empate e ainda joga em casa. Claro que o Flamengo não está morto, mas jogar em casa era a principal chance do time”.

Pré-jogo: A jornalista Aline Falcone aponta as equipes chegam desgastadas, mas motivadas. “As semifinais acabam exigindo muito das atletas, já que no futebol feminino o ritmo é intenso. Mais intenso do que no futebol masculino. Elas correm o tempo todo. Quem tiver melhor preparo físico vai levar o título”.

Pré-jogo: O Portal EBC conversou com Emily Lima, técnica da equipe do São José, para saber quem seria a favorita na final. Conhecendo bem as duas equipes, ela não ficou em cima do muro e disse que o Rio Preto está um pouco à frente: "São duas equipes merecedoras de uma final do Campeonato Brasileiro não estão na final por acaso. Não digo favorito, mas o Rio Preto é uma equipe que já esteve na final ano passado e sabe como lidar com essa situação".

Pré-jogo: O Portal EBC fez um levantamento das campanhas das equipes na competição e os números apontam o Rio Preto como favorito. O time fez mais pontos do que o Flamengo, tem mais gols marcados, menos sofridos, está na frente no ranking da CBF e levou a melhor no confronto direto. Confira mais detalhes neste link.

Rio Preto (SP) x Flamengo (RJ)

 Final do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino

Data: 20/05/2016 às 19h      

Estádio: Anísio Haddad, em São José do Rio Preto (SP)

Transmissão: Portal EBC e TV Brasil, a partir das 18h50

Árbitro: Douglas Marques das Flores (SP)

Assistentes: Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (SP) e Fabio Rogerio Baesteiro (SP)         

Com a vitória na primeira partida da final, o Rio Preto está mais do que credenciado para o título. Os números conspiram a favor da equipe treinada por Chicão Reguera. Jogando pelo empate, a equipe não perde no Anísio Haddad desde outubro de 2015 (na ocasião, perdeu para o Tiradente).

Além do fator campo, a equipe deve contar com a defesa forte, que conta com a goleira Bárbara (da seleção permanente) e só tomou seis gols em 12 jogos, e com o ataque fulminante. A dupla Milene e Adriana Maga foi responsável por 16 dos 26 gols do time na competição. Milene é artilheira do campeonato, com 10 gols marcados.

Time que “nasceu” em família como Juventude em 1996 na família Inojo, de São José do Rio Preto, o Rio Preto se mantém com duas parcerias: a Prefeitura da cidade e com o time do Rio Preto (que “empresta” a camisa).

O Flamengo chega com a dura missão de lutar contra os números, contra o time da casa e contra a escrita de nunca uma equipe fora de São Paulo ter ganho o Brasileirão Feminino. O time que esquecer tudo isso e fazer os dois gols de diferença e decidir o campeonato dentro de campo.

O Flamengo conta com a força do conjunto. Na defesa, a experiente Tânia Maranhão garante a segurança de uma equipe que tomou apenas nove gols em 12 jogos. No meio, Bia e Maurine, da seleção feminina permanente, são responsáveis pelas criações das jogadas. E no ataque, o maior destaque da equipe: a artilheira Larissa, que já marcou sete vezes no Campeonato.

Pela primeira vez na decisão do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino, o Flamengo contou com todo o apoio da Marinha na competição. Todas as atletas do time recebem salário das Forças Armadas (muito acima da média do futebol feminino, como apontou o técnico do time, Ricardo Abrantes) e a estrutura também é dada pela instituição. O Flamengo entra “apenas” com a camisa e a tradição.

Na história do Campeonato Brasileiro, os times já se enfrentaram por três vezes e a vantagem é do Rio Preto. Além do primeiro jogo da final, os times se enfrentaram pelo campeonato de 2015. No primeiro jogo da 2ª fase, o Flamengo estava desfalcado de todas as jogadoras (que estavam representando a Marinha nos Jogos Mundiais Militares) e não foi páreo para o adversário. No final, 5 a 0 para o Rio Preto. A segunda partida entre os times foi na última rodada da segunda fase. No Rio de Janeiro e já com as titulares, o Flamengo precisava ganhar do Rio Preto para se classificar. Porém, a partida terminou 1 a 0 para o time paulista.

Creative Commons - CC BY 3.0
Fale com a Ouvidoria

Deixe seu comentário

Publicidade