X

Digite sua busca e aperte enter

Série documental "Trabalhar pra Quem" estreia na TV Brasil nesta quarta (13)

  • 12/09/2017 08h26
  • Gecom

Produção independente revela o cotidiano de jovens que vivem o dilema entre o sonho e o trabalho

A série Trabalhar pra Quem é uma das novidades na programação da TV Brasil esta semana. A produção estreia nesta quarta-feira (13), às 6h30, na nova faixa da emissora pública dedicada a séries documentais brasileiras independentes. A obra foi selecionada pelo Programa de Apoio ao Desenvolvimento do Audiovisual (Prodav/TVs Públicas) 2013/2014.

Segundo o Informe de Acompanhamento do Mercado de TV Aberta, recente estudo divulgado pela Agência Nacional do Cinema (Ancine), a TV Brasil é a emissora que mais exibe conteúdo independente nacional. Em 2016, foram mais de 1.162 horas destinadas ao segmento.

Em cinco episódios de 26 minutos, Trabalhar pra Quem apresenta a rotina de jovens que são a primeira geração de universitários em suas famílias. Eles enfrentam um dilema recorrente: a necessidade de trabalhar e o sonho de ter uma profissão.

Apesar do conflito entre o êxito pessoal e o desejo de transformar o mundo, esse grupo de jovens escolheu não colocar o dinheiro acima de tudo. Eles moram na favela de Heliópolis, em São Paulo, e decidiram permanecer no bairro e trabalhar na comunidade onde vivem.

Para realizar a série documental, a equipe de produção passou vários meses convivendo com os moradores comunidade. O período serviu de aprendizado, estimulou debates e workshops até chegar ao formato ideal de Trabalhar pra Quem. Com direção de Mariana Oliva e Paula Szutan, a série foi realizada pela produtora Umana.


Episódio de estreia

O primeiro episódio da série Trabalhar pra Quem mostra a trajetória de Ninive e de Raul. Ela atualmente trabalha em várias frentes e faz graduação em publicidade. Já o rapaz teve algumas experiências no mercado de trabalho formal, mas abandonou essa rotina para realizar o sonho de atuar na prevenção à AIDS.

Depois de alguns anos trabalhando pelo bairro onde nasceu e cresceu, Nínive é diretora da maior associação de Heliópolis, uma das responsáveis por representar os jovens do bairro. Também auxilia pequenos empreendedores locais a melhorar seus negócios. Enquanto trabalha e cursa faculdade de Publicidade, ela faz reuniões com o advogado à espera do fechamento do processo contra o hospital particular, que foi responsável pela maior cicatriz da sua vida.

Raul começou a vida profissional trabalhando como motoboy. Depois foi para uma gráfica até parar no telemarketing de um plano de saúde. De tanto repetir as mesmas frases, negando assistência médica, quase enlouqueceu. Mas um dia brigou e rompeu com o mercado formal. Seu filho tinha acabado de nascer, e ele foi atrás de seu sonho: trabalhar com prevenção à AIDS.

Serviço:
Série documental Trabalhar pra Quem – quarta-feira (13), às 6h30, na TV Brasil.