X

Digite sua busca e aperte enter

Caminhos da Reportagem esmiúça o poder da internet

Publicado em 07/03/2018 - 09:01

No Dia Internacional da Mulher, o programa Caminhos da Reportagem vai mostrar que movimentos como o “#8”, que conta com manifestações de mulheres em todo o mundo, só foram possíveis graças ao poder de mobilização da web. É o enorme poder de mobilização da internet para fazer o bem, unir iguais, mobilizar pessoas e  concretizar sonhos. O Caminhos da Reportagem vai ao ar nesta quinta-feira, dia 8, às 21h45, na TV Brasil. 

Ninguém nega que a internet seja um dos maiores avanços tecnológicos do últimos tempos. Seu poder de comunicação mudou radicalmente a forma do ser humano se relacionar com o próximo. O mundo se transformou no que o pensador canadense Marshall McLuhan, mais de meio século atrás, chamou de “aldeia global”. Um mundo globalizado onde a informação corre o planeta em tempo real.

É verdade que a internet também é, muitas vezes, usada com fins negativos, o que acaba levando muitos a demonizar seu poderio. O Caminhos da Reportagem desta quinta vai mostrar o enorme poder de mobilização da internet. No programa, as mulheres são uma parte importante dessa história. Movimentos como o “#8”, que conta com manifestações em todo o mundo, só foram possíveis graças ao poder de mobilização da web.

O programa vai mostrar como a união de pessoas através do ambiente virtual transborda para a vida real e ajuda grupos carentes e discriminados, como jovens LGBT. Caminhos da Reportagem expõe ainda o papel da internet para revigorar o jornalismo através de agências de notícias independentes. A internet também facilita a cobrança de soluções de autoridades para os problemas das cidades, estados e do país, além de ajudar no financiamento de atividades artísticas que não têm espaço na grande mídia, como o grupo paulista Teatro Mágico.

É a internet do bem.


Serviço
Caminhos da Reportagem - quinta-feira, dia 8, às 21h45, na TV Brasil 

Compartilhar: