Digite sua busca e aperte enter


Roberto Gurgel pede condenação de 36 réus do mensalão

Imagem:

Compartilhar:

Gurgel pode descartar parte das acusações envolvendo Chalita

Criado em 06/03/13 21h54 e atualizado em 06/03/13 22h11
Por Débora Zampier Edição:Aécio Amado Fonte:Agência Brasil

Brasília - O procurador-geral da República, Roberto Gurgel, disse hoje (6) que já está com o material enviado pelo Ministério Público Estadual de São Paulo com acusações ao deputado federal Gabriel Chalita (PMDB-SP). Ele é suspeito de corrupção, enriquecimento ilícito e superfaturamento de contratos públicos.

Ao todo, 11 inquéritos apuram informações prestadas por um analista de sistemas que se apresenta como ex-assessor do político, da época em que ele comandava a Secretaria de Educação de São Paulo. Os processos vieram para o Supremo porque Chalita tem foro privilegiado por ser parlamentar.

Segundo Gurgel, parte das acusações podem ser descartadas. "A princípio penso que possa haver algo a ser eliminado", declarou, ao deixar sessão do Supremo Tribunal Federal (STF) nesta tarde. O procurador-geral não deu prazo para apresentar as suas conclusões.

Edição: Aécio Amado

 

Creative Commons - CC BY 3.0

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Deixe seu comentário