Digite sua busca e aperte enter


Compartilhar:

Em protesto por melhorias na saúde, índios fazem cinco reféns em município paulista

Criado em 23/07/13 18h58 e atualizado em 23/07/13 19h12
Por Elaine Patricia Cruz Edição:Juliana Andrade Fonte:Agência Brasil

São Paulo – Desde a última sexta-feira (19), cinco funcionários da Coordenação Regional da Fundação Nacional do Índio (Funai) em Itanhaém, no litoral de São Paulo, são feitos reféns por índios que ocuparam a sede. Os indígenas protestam por melhorias no atendimento médico prestado na região, que é de responsabilidade da Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai), do Ministério da Saúde.

Ontem (22), os índios fizeram mais funcionários reféns, mas após uma conversa entre a presidenta da Funai, Maria Augusta Assirati, e uma liderança indígena, seis funcionários terceirizados e três estagiários foram liberados. As informações foram confirmadas à Agência Brasil pela Funai.

A assessoria de imprensa da Sesai informou que os índios já apresentaram uma série de reivindicações que estão sendo analisadas pelo órgão. Segundo a assessoria, o órgão se comprometeu a realizar uma reunião com os índios na sexta-feira (26), na sede do Ministério Público em Santos (SP). No entanto, informou a secretaria, a reunião só vai ocorrer caso os indígenas desocupem a Funai.

Edição: Juliana Andrade

 

Creative Commons - CC BY 3.0

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Deixe seu comentário