Digite sua busca e aperte enter


As Forças Armadas ficarão no Complexo da Maré até o dia 31 de julho e terão , por meio de uma GLO, poder de polícia para atuar no local

Imagem:

Compartilhar:

Novo tiroteio no Complexo da Maré assusta motoristas na Avenida Brasil

Criado em 01/10/14 15h41 e atualizado em 01/10/14 16h06
Por Douglas Corrêa Edição:Armando Cardoso Fonte:Agência Brasil

A Avenida Brasil está com o tráfego congestionado nos dois sentidos, altura de Bonsucesso, subúrbio do Rio, devido a uma operação das forças de segurança do estado, no Complexo de Favelas da Maré. De acordo com o Centro de Operações da prefeitura do Rio, os motoristas que se deslocam com destino às zonas norte e oeste e a Baixada Fluminense devem optar pela Linha Vermelha, onde as condições de tráfego estão melhores, sem retenção.

O tiroteio começou com a chegada de tropas no complexo. Apavorados, alguns motoristas que se destinavam ao subúrbio chegaram a fazer contramão na Avenida Brasil, retornando ao centro.

Leia também:

Presidente do Data Popular cobra políticas públicas para as favelas

Luiz Estevão é transferido para presídio de SP

No fim da noite passada (30), um confronto entre facções rivais chegou a fechar o tráfego na Avenida Brasil. O Complexo da Maré está ocupado por tropas do Exército e dos Fuzileiros Navais desde 5 de abril, quando o governo do estado iniciou o processo de instalação das Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs) na região. O convênio com o Ministério da Defesa para permanência das tropas federais na Maré foi renovado até o fim do ano.

Em relação ao primeiro tiroteio, o Comando da Força de Pacificação informou que, por volta de 23h, ocorreu um confronto entre facções rivais no Conjunto Esperança, na área da Maré. No local, foi encontrado o corpo de um homem, ainda não identificado, aparentando 18 anos.. A Divisão de Homicídios investiga o caso. O efetivo da Força de Pacificação foi reforçado em toda a região.

Editor Armando Cardoso

Creative Commons - CC BY 3.0

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Deixe seu comentário