Digite sua busca e aperte enter


Edward Snowden, ex-agente do serviço secreto dos Estados Unidos (CIA) que revelou o monitoramento de telefonemas e uso da internet no país

Imagem:

Compartilhar:

Senadores russos vão pedir ajuda de Snowden para proteção de dados

Criado em 06/08/13 17h18 e atualizado em 06/08/13 17h23
Por Da Agência Brasil* Edição:Carolina Pimentel

Brasília – Senadores russos vão pedir ao norte-americano Edward Snowden que ajude o país a investigar o vazamento de dados aos Estados Unidos e na proteção de dados pessoais. Os senadores integram uma comissão especial para investigar a espionagem norte-americana. A comissão vai apresentar em setembro propostas para tornar mais rígidas as condições de confidencialidade das redes sociais.

Edward Snowden, ex-agente do serviço secreto dos Estados Unidos (CIA) que revelou o monitoramento de telefonemas e uso da internet no país
Os senadores integram uma comissão especial para investigar a espionagem norte-americana. A comissão vai apresentar em setembro propostas para tornar mais rígidas as condições de confidencialidade das redes sociais.(Wikimedia Commons)

"Hoje mesmo vou entrar em contato com [Edward] Snowden. A informação que ele pode nos proporcionar não irá prejudicar os interesses dos Estados Unidos. Não há novidades. Se trata da proteção de dados pessoais", disse o senador russo Ruslán Gattárov, citado pela agência oficial RIA-Novosti. Ele também é o coordenador da comissão especial.

"Nosso objetivo é averiguar quais são os pontos vulneráveis na proteção de dados pessoas e eliminá-los", disse Gattárov.

O ex-consultor de informática Edward Snowden denunciou que agências de inteligência e segurança dos Estados Unidos monitoraram mensagens e telefonemas de cidadãos no país e no exterior. Ele recebeu asilo temporário na Rússia depois de esperar quase um mês e meio em uma área de trânsito no aeroporto de Moscou.

Leia também:

Jornalista que fez denúncias de espionagem norte-americana diz que há mais documentos a serem publicados

Chanceler boliviano considera difícil encerrar crise diplomática com a Europa

Ministros do Mercosul queixam-se na ONU de espionagem norte-americana

Snowden recebeu propostas de trabalho no país, incluindo a de uma rede social russa. Até agora, não aceitou nenhuma. Segundo o advogado do ex-consultor, ele convidou os pais e amigos para visitá-lo. Ele vai esperar que os parentes cheguem para tomar uma decisão.

 

* Com informações da Agência Telam

Edição: Carolina Pimentel

Creative Commons - CC BY 3.0
Fale com a Ouvidoria

Deixe seu comentário

Publicidade