Digite sua busca e aperte enter


Arthur Zanetti e Bruno Prada contam como foi a emoção de ganhar medalhas em Londres

Imagem:

Compartilhar:

Arthur Zanetti e Bruno Prada contam como foi a emoção de ganhar medalhas em Londres

Criado em 10/08/12 14h35 e atualizado em 13/08/12 08h53
Por EBC na Rede

Assista, no player abaixo, a conversa na íntegra com Arthur Zanetti, Bruno Prada e Ricardo Leyser, mediada pelo jornalista Eduardo Castro:

Embed <iframe width="420" height="315" src="http://www.youtube.com/embed/lKjvO-k4bO0" frameborder="0" allowfullscreen></iframe>

Os medalhistas Arthur Zanetti (ouro na ginástica olímpica) e Bruno Prada (bronze na vela) foram os convidados do bate-papo #BRemLondres, promovido pela Empresa Brasil de Comunicação (EBC) em parceria com o Ministério do Esporte. Eles conversaram por mais de uma hora por meio da ferramenta da rede social Google+, que possibilita a criação de uma sala de videoconferência com vários participantes. O jornalista Eduardo Castro comandou o papo, que contou também com o secretário de Alto Rendimento do Ministério do Esporte, Ricardo Leyser. Vários internautas interagiram com os atletas por meio das redes sociais Twitter, facebook e Google+, enviando perguntas e recados.

Um dia após da chegada do Brasil, os dois medalhistas puderam contar como foi a recepção, detalhar as competições que valeram medalha, analisar o cenário da ginástica e da vela no país e fizeram um balanço da organização dos Jogos. Também coube descontração no bate-papo, com Arthur revelando a circunferência de seu braço e Bruno mostrando sua parede forrada de fotografias da conquista do tricampeonato mundial da classe Star.

Veja quais foram os principais assuntos da conversa:

Concentração

No hangout, Arthur Zanetti deu detalhes da prova que valeu a medalha de ouro inédita para a ginástica brasileira e latina: "Antes de subir na argola, eu me imagino fazendo a série com perfeição. Depois, quando eu estou lá, não ouço mais nada, não vejo mais nada. Penso apenas no movimento que eu estou executando", revela. "Quando eu desci das argolas, eu senti que havia sido uma série boa. Sabia que, pela série que eu fiz, alguma medalha ia rolar. Ver que tinha sido a de ouro foi emocionante". Ele ainda rebateu as acusações do técnico do chinês Chen Yibing, que questionou a conquista de Zanetti: "Aumentei minha nota de partida, e, consequentemente, a nota final sobe também. É pura matemática".

Auto-crítica

O velejador Bruno Prada, que competiu com Robert Scheidt na classe Star do iatismo, contou como foi a campanha que resultou no bronze: "Fizemos uma competição muito boa, mas tivemos um último dia ruim. Nós erramos na avaliação da meteorologia, e a gente não pode falar que a culpa é da nuvem. A culpa é da gente. Fizemos uma avaliação errada e assumimos isso", disse. "Mas uma medalha olímpica é como um filho: não interessa como vem, a gente ama do mesmo jeito". Ele anunciou, ainda, que com a exclusão da classe Star das Olimpíadas, a parceria com Scheidt vai ser desfeita. Prada vai passar a competir na classe Finn e quer estar competindo no Rio de Janeiro, com 45 anos: "Vou tentar a medalha de ouro que ainda não tenho".

Ambição

O secretário nacional de Esporte de Alto Rendimento, Ricardo Leyser, falou sobre a meta brasileira de terminar entre os 10 melhores países no quadro de medalhas nas Olimpíadas do Rio de Janeiro: "É um grande desafio, mas nós precisamos nos propor grandes desafios. Se não chegarmos lá, depois a gente avalia porque não chegou. Nas Olimpíadas do Brasil, não podemos fazer mais do mesmo. Temos que colocar o sarrafo mais para cima e termos ambição". Ele também confirmou que está sendo estudada a concessão de uma gratificação por medalha olímpica conquistada a partir do próximo ciclo olímpico.

Creative Commons - CC BY 3.0

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Deixe seu comentário