Digite sua busca e aperte enter


Alberto Azevedo discute direitos autorais na internet na Latinoware 2012

Imagem:

Compartilhar:

“A PIPA vai subir” debate direitos autorais na internet

Criado em 17/10/12 18h03 e atualizado em 07/07/16 14h20
Por Edgard Matsuki

Um tema polêmico esteve entre os assuntos discutidos no primeiro dia da Latinoware: a palestra “A PIPA vai subir”, abordou as leis que restringem a liberdade dos usuários na internet e que tendem a ser aprovadas em diferentes países. A palavra PIPA é uma alusão à Lei Protect IP Act, que foi proposta nos Estados Unidos e que previa que empresas pudessem trocar informações sobre usuários da internet.
 
Na palestra, Alberto Azevedo, especialista em segurança na internet, explicou que cedo ou tarde a liberdade individual da internet será prejudicada com a aprovação de leis como essa. De acordo com Azevedo, isso acontece porque é de desejo das grandes empresas manter o controle.

O especialista crê que o fechamento do Megaupload mostra a força dos conglomerados: “o Megaupload saiu do ar porque estava ligado ao projeto de um site de download grátis de músicas em que os artistas receberiam 70% do ganho em publicidade. Isso poderia ser uma ameaça ao mercado fonográfico”.
 
Marco Civil

Para Alberto, a aprovação do Marco Civil da internet pode ser a saída para as ameças impostas pelas novas leis: “É como se fosse uma constituição na internet. É importante que venha antes de outra lei que possa vir a cercear a nossa liberdade”. Para ele, há urgência em se aprovar o Marco Civil
 
Alberto Azevedo defende ainda que os usuários têm de começar a proteger os seus dados com criptografia (para evitar que empresas utilizem esse dados da navegação), protestar contra a aprovação de legislações restritivas (como aconteceu no caso da PIPA e SOPA) e previnir-se. Mas como? O palestrante defende que a melhor arma é o voto.

No vídeo abaixo, Alberto Azevedo fala sobre Marco Civil e a ameaça da PIPA

 

Creative Commons - CC BY 3.0 -

 

Creative Commons - CC BY 3.0

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Deixe seu comentário