Digite sua busca e aperte enter


Manifestantes participam de ato em Brasília na última quinta-feira (20) e ocupam espelho d'água do Itamaraty.

Imagem:

Compartilhar:

PM será menos tolerante com violência em manifestações no Distrito Federal

Criado em 24/06/13 20h08 e atualizado em 24/06/13 20h19
Por Marcelo Brandão Edição:Fábio Massalli Fonte:Agência Brasil

Brasília 20/06/2013 - 2
A Polícia Militar (PM) do Distrito Federal decidiu, em uma reunião na tarde desta segunda-feira (24), não tolerar mais atos de agressão e vandalismo durante manifestações

Brasília - A Polícia Militar (PM) do Distrito Federal decidiu, em uma reunião na tarde desta segunda-feira (24), não tolerar mais atos de agressão e vandalismo durante manifestações. “A Polícia Militar vai endurecer a ação contra esses bandidos travestidos de manifestantes. Não haverá tolerância de agressão a policial. Esses indivíduos serão identificados e uma equipe vai entrar na multidão e efetuar a detenção”, explicou o tenente-coronel da PM, Zilfrank Antero.

De acordo com Antero, a estratégia utilizada pela PM até o momento era evitar ao máximo prisões para não inflamar a multidão contra os policiais. A reação das pessoas, no entanto, não foi a esperada. “A gente percebeu que, com a atitude mais complacente da polícia, eles [os manifestantes mais violentos] foram criando coragem. [Agora,] os bandidos que estiverem na manifestação terão o tratamento de bandidos”.

Além do trabalho de repressão à violência, a polícia revistará as mochilas dos manifestantes que saírem da Rodoviária do Plano Piloto em direção à esplanada. O objetivo é evitar a entrada de rojões, garrafas, bombas e qualquer outro tipo de objeto que possa ser utilizado contra a polícia ou outros manifestantes.

A reunião definiu ainda que, para a manifestação desta quarta-feira (24), serão deslocados 4 mil policiais para a Esplanada. O efetivo vai proteger, desta vez, o Itamaraty e o Palácio da Justiça, além do Congresso Nacional e os acessos ao Palácio do Planalto e à Praça dos Três Poderes. A PM-DF trabalha com a expectativa da presença de até 100 mil pessoas. A Polícia Militar fechará as vias N1, N2, S1 e S2, a partir do meio-dia. Depois desse horário, os carros só poderão sair da Esplanada dos Ministérios.

Edição: Fábio Massalli

Creative Commons - CC BY 3.0

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Deixe seu comentário