Digite sua busca e aperte enter


Índios guarani kaiowá, obrigados pela Justiça Federal a desocupar as terras que moram no município de Iguatemi, em Mato Grosso do Sul, são recebidos na PGR pela vice-procuradora-geral da República, Deborah Duprat

Imagem:

Compartilhar:

Liminar que determinava saída dos Guarani Kaiowá em MS é suspensa

Criado em 30/10/12 16h43 e atualizado em 31/10/12 09h19
Por EBC

Maria do Rosário, ministra da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República
Ministra Maria do Rosário participa de reunião do Comitê Nacional de Prevenção e Combate à Tortura (Elza Fiúza/Agência Brasil)

Segundo informou por meio do Twitter a ministra da Secretaria Nacional de Direitos Humanos, Maria do Rosário,  o governo federal conseguiu suspender nesta terça-feira (30), a liminar que determinava a reintegração de posse da tribo indígena Guarani Kaiowá em Mato Grosso do Sul.

Leia também

Usuários do Facebook trocam nome para Guarani Kayowá

Governo do MS "zombou" de demandas dos Guarani Kaiowá

Guaranis Kaiowá pedem mais segurança e rapidez na demarcação de suas terras

“Acabamos de receber decisão judicial q suspende reintegração de posse do território dos Guarani Kaiowá. Recurso do Gov. Federal foi acatado!

Pelo Twitter, Maria do Rosário anuncia suspensão da retirada dos Guarani Kaiowá
Pelo Twitter, Maria do Rosário anuncia suspensão da retirada dos Guarani Kaiowá (Reprodução)

(sic)” , comemorou a ministra. Na sequência, ela complementou a informação. “De acordo com essa decisão, os indígenas ficam onde estão! Agora lutaremos p/agilizar o processo de estudos p/ demarcação desse território”.

Na tarde desta segunda, Maria do Rosário, que também preside o Conselho de Defesa dos Direitos da Pessoa Humana (CDDPH) recebeu em Brasília uma comissão de representantes da comunidade indígena, junto aos ministros José Eduardo Cardozo, da Justiça, e Luís Inácio Lucena Adams, da Advocacia-Geral da União (AGU).

Ouça o relato de Lide Guarani-Kaiowá e Genito Kaiowá sobre a situação dos índios:

Os conflitos envolvendo a comunidade Guarani Kaiowá se intensificaram após decisão da Justiça Federal do Tribunal Regional da 3ª região (TRF-3) de São Paulo que determinou a reintegração de posse das terras reivindicadas pelos indígenas a fazendeiros locais. No dia 16 de outubro, o Ministério Público Federal em Dourados apresentou recurso no TRF 3 para reformar a decisão.

Creative Commons - CC BY 3.0

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Deixe seu comentário