Digite sua busca e aperte enter


Da esquerda para a direita: a tutora, professora Luzinalva Miranda de Amorim, os estudantes João César, Pedro Henrique, Gabriel e Andrey e o líder, professor Régis Barbosa

Imagem:

Compartilhar:

Equipe brasileira conquista quatro medalhas em Olimpíada de Matemática do Cone Sul

Criado em 25/08/14 13h51 e atualizado em 25/08/14 15h31
Por Agência FAPESP

Medalhas Cone Sul
Da esquerda para a direita: a tutora, professora Luzinalva Miranda de Amorim, os estudantes João César, Pedro Henrique, Gabriel e Andrey e o líder, professor Régis Barbosa (Divulgação/OBM)

Agência FAPESP – A equipe brasileira que participou da 25ª Olimpíada de Matemática do Cone Sul, encerrada no dia 21 de agosto em Montevidéu, no Uruguai, voltou para o país com quatro medalhas: duas de ouro, uma de prata e uma de bronze.

Pedro Henrique Sacramento de Oliveira, de 15 anos, de Vinhedo (SP), e Gabriel Toneatti Vercelli, de 16 anos, de Osasco (SP), conquistaram medalhas de ouro. João César Campos Vargas, de 16 anos, de Passa Tempo (MG), ficou com a de prata e Andrey Jhen Shan Chen, de 14 anos, de Campinas (SP), com a de bronze.

Trinta e dois estudantes de oito países participaram da competição, que é individual e teve provas teóricas realizadas nos dias 18 e 19 de agosto. Os participantes tiveram quatro horas por dia para resolver três problemas de matemática.

Leia outras notícias no canal de Educação

Os estudantes foram liderados pelos professores Régis Prado Barbosa, da capital paulista, e Luzinalva Miranda de Amorim, de Salvador (BA), membros da Comissão Nacional de Olimpíadas de Matemática da Sociedade Brasileira de Matemática (SBM).

A Olimpíada do Cone Sul ocorre todos os anos desde 1988. Para participar da prova, é preciso primeiro participar da Olimpíada Brasileira de Matemática (OBM), que também ocorre anualmente.

A OBM é uma iniciativa do Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada (Impa) e da SBM. Este ano, o matemático brasileiro Artur Avila, pesquisador do Impa e do Centro Nacional de Pesquisa Científica (CNRS), na França, foi o primeiro sul-americano a ganhar a Medalha Fields, considerada a honraria mais importante da Matemática.

Mais informações em www.obm.org.br.

Creative Commons - CC BY 3.0

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Deixe seu comentário