Digite sua busca e aperte enter


Grupo de 140 índios mundurukus se reúne em frente ao prédio da Funai

Imagem:

Compartilhar:

Cimi apresenta Relatório de Violência contra os Povos Indígenas

Criado em 27/06/13 05h57 e atualizado em 27/06/13 07h41
Por Luciene Cruz Edição:Graça Adjuto Fonte:Agência Brasil

Índios aguardam representante da Funai
Cimi apresenta Relatório de Violência contra os Povos Indígenas (Fabio Rodrigues Pozzebom / Abr)

Brasília - O Conselho Indigenista Missionário (Cimi) divulga hoje (27) o Relatório de Violência contra os Povos Indígenas. Com dados coletados em 2012, o levantamento mostra diversas formas de violência contra comunidades indígenas do país.

Leia também:

Recursos federais poderão ser usados para resolver conflitos entre índios e produtores em Mato Grosso do Sul

Governo promete discutir demarcações de terras com indígenas e produtores rurais do Sul

A apresentação será às 9h30, na sede da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), em Brasília. Em comunicado, o Cimi destaca que o relatório abrange dados relacionados ao aumento de assassinatos de indígenas nos últimos dez anos, o colapso da saúde, os suicídios e a baixa execução orçamentária, entre outros.

“Queremos demonstrar em números o que acontece na prática e tem motivado a mobilização dos povos indígenas em busca de seus direitos, de suas terras. Nossa intenção é revelar o ciclo da violência, mostrando que ela é um processo”, ressaltou, no comunicado, o secretário executivo do Cimi, Cleber Buzatto.

A pesquisa inclui ainda dados sobre conflitos de terra, violências praticadas contra o patrimônio e povos em situação de isolamento, violências por omissão do Poder Público e violências praticadas por particulares ou agentes públicos.

Edição: Graça Adjuto

 

Creative Commons - CC BY 3.0

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Deixe seu comentário